Negrão brisado curtindo a onda no rabo do puto

6782
Share
Copy the link

Larica

Negrão brisado curtindo a onda no rabo do puto. Era dia de pagamento então o mano correu na biqueira e pegou um tijolinho da erva. Fez alguns cigarros e começou a fumar no beco e depois de uns três baseados, ficou muito louco. Bateu uma mistura de desejos: alegria, fome e tesão. A lapa subiu na bermuda e ficou aquele volumão que não dá para esconder. Nessa hora passou um viado e não conseguiu desviar o olhar do pacote e depois de uns minutos e chamou para resolver o problema em sua casa. Essa raba chegou em boa hora, pensou. Bom para matar a larica.
Negrão brisado curtindo a onda no rabo do puto
Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *