Comido à noite no mato ao som das cigarras

797
Share
Copy the link

Não tem hora

Comido à noite no mato ao som das cigarras. O celular apitou tarde da noite. Era mensagem de alguém desconhecido. Provavelmente um macho que leu seu recado indecente na parede do banheiro do restaurante da rodovia. Levantou com pressa, afinal, não poderia perder uma pirocada que caiu no seu colo. Nem tirou a camisola e foi atender o homem, que só queria um rabo para comer e gozar, sem saber nem o nome do puto. Ao chegar no local combinado viu que valeu a pena sair da cama. Era um moreno ajudante de caminhão bem gostosinho querendo pimbar.
Comido à noite no mato ao som das cigarras
Comido à noite no mato ao som das cigarras
 
Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *